segunda-feira, 27 de fevereiro de 2017

ABORTO EM VISÃO INTEGRAL

ABORTO, MICROCEFALIA E REDUÇÃO DA POPULAÇÃO
COMENTARIO PREVIO – O debate sobre controle populacional dominado pelos Psicopatas da esquerda e da direita auto-alucinados “progressistas” quer convencer-nos de que sabem alguma coisa.  
Os supostos opinantes, no fim ignorantes gay-machistas que se autodenominam de progressistas, querem definir uma lei do aborto que ensine o relaxe-e-goze e ao mesmo tempo faça o controle demográfico da senzala universal pomposamente batizada de Nova Ordem. Esse deve ser o resultado de surto anterior de microcefalia sendo experimentada em alto nível nas tentativas de reduzir população.
Mas, e os estudos avançados? O que concluem?
Depois de longa coleta de opiniões do GEA, começadas há uns dez anos, me atrevo a reunir as conclusões dos estudos:
1.    Os atuais opinantes só podem levar tudo ao pior porque são de duas categorias – os que se julgam donos do mundo e pensam que lhes interessa reduzir tudo a uma senzala de 500 milhões de descerebrados meio robôs, meio peças de prazer; e do outro lado fazem coro os que repetem as besteiras dos primeiros que eles chamam de seus líderes (traduza = donos).
2.    Assim criam de qualquer modo uma legião de ex-abortantes drogadas desde muito jovens para o comércio de bordel, sobrando uma outra legião de futuras ex-abortantes em eco manicomial, levando ao lado os novos candidatos a di-menor estupradores e recrutados para o crime dirigido.
Ao deixar nas mãos das meninas despreparadas repentinamente enfrentando suas crises psico-sociais-emocionais-econômicas e mais a decisão de abortar, criarão sempre um conflito interior nas futuras crianças se sobreviverem e nas abortadoras que sobreviverem.
Isto só se resolve desde o mais remoto passado com um governo das mamães onde as avós foram parteiras, conselheiras, de filhas, sobrinhas e netas, além de discretas impulsionadoras de todos os homens das tribos (maridos, filhos, netos) para os atos de sobrevivência.
3.    Ao contrário do programado por esses microcefálicos, as populações continuam crescendo nos segmentos sociais mais pobres, e extinguindo progressivamente os nascimentos nos de melhor qualidade de vida.
4.    QUAL é a solução correta? – Evidente! Expulsar do direito de decisão social os opinantes, isto é, extinguir para sempre a classe dos mafiosos machistas Escravocratas (religiões quartelizadas, ideologias politicamente mafiocorretas, e os cartéis da imoral imposição do consumo como sistema de ensino, de saúde, cultural e econômico).  ISTO TEM QUE SER FEITO NA BAIONETA SE NÃO HOUVER CONSENSO. No seu lugar implantar o governo das mamães como sempre foi onde as sociedades sobreviveram, esta é a única forma correta de resolver ao mesmo tempo a questão demográfica, o aborto e a sobrevivência.
VEJAM NESTE BLOG ESSAS COISAS JÁ INFORMADAS E PUBLICADAS EM DOSES MENORES:

Vamos repetir a proposta prática:
ACEITEMOS A IDEIA DE ELON MUSK SOBRE UMA RENDA MÍNIMA UNIVERSAL PAGA POR CONTRIBUIÇÕES DA AUTOMAÇÃO.
A RAZÃO PARA ACEITAR
Um dia vão entender até os feudo-nazi-escravocratas populistas que mandam no Brasil, e estendem seus tentáculos ao mundo todo, que as Nações precisam de consumidores saudáveis, longevos, com segurança, rendas e boa educação para continuar consumindo.

Eu acrescento diversas condições para essas compensações:
1.Deve haver um limite geral por pessoa, mais uma obrigação de manter-se estudando alguma coisa, em educação permanente desde a concepção até o fim da vida, sob a supervisão das mamães;
2 Implantar PARA ESSE FIM uma forma de cartão de crédito dentro do sistema comum ao qual sejam acrescentados sempre rateios de lucros da robótica e participação de resultados nos produtos consumidos. Ele sempre terá saldo para uso correto. Temos que Cuidar para que este cartão, ao contrário dos atuais que são algemas e chicotes do Escravagismo geral, este seja para a Libertação;
3. Estabelecer a aplicação de seu saldo disponível nesse cartão, através de um Fundo Social estabelecido por conjunto de Empresas, como investimento remunerado;
4. Somar no mesmo cartão outras rendas que o titular tenha conseguido, seja aposentadoria oficial ou complementar, investimentos em poupança, ações, negócio de iniciativa pessoal, serviços que executar, etc.
5. Estender este programa para inclusão prévia de todas as crianças desde a concepção com a conta a ser gerida pelas mamães, complementada pelos pais, padrinhos, avôs, obras sociais, etc, de modo que haja um fundo das novas gerações que podem ser orientadas para autonomia econômica, prevenindo previamente o desemprego. Este processo favorece uma orientação demográfica que tanto pode desestimular muitos nascimentos ao melhorar o bem-estar familiar, quanto estimular, no interesse da nação, segunda e terceiras maternidades de mamães de sucesso e mesmo gerações in vitro programadas para dificuldades de engravidar.   
COMENTARIO FINAL
Está provado que as sociedades que atingem mais qualidade de vida geram menos filhos, até terem redução demográfica. Ex. de hoje - Espanha, França, Alemanha, Judeus, todos estão em redução demográfica.
Eis aí a oportunidade de uma nova ordem democrática de bem estar com este cartão para conseguir reduzir a população no decurso de uma geração à metade dos bilhões atuais. Isso pode ser feito sem traumas.
O debate está aberto e eu aderirei assim que se estabeleça concretamente.

LINKS ACIMA

domingo, 26 de fevereiro de 2017

AVAAZ PSICOPATA

AVAAZ, CONTRA A RAZÃO LÓGICA
COITADOS! NEM SABEM LER... ESFREGUEM NA CARA DESSES MAFIOSOS MEDIEVAIS AS INFORMAÇÕES SOBRE A ESTUPIDEZ DE SEU ALARMISMO CLIMÁTICO PARA QUE PAREM COM ESSA ALUCINAÇÃO DE PSICOPATAS –

MENSAGEM AVVAZ DE HOJE
Donald Trump declarou guerra ao planeta Terra.

Ele está aprovando oleodutos, promovendo minas de carvão e, segundo informantes, tem um decreto legislativo pronto para tirar os Estados Unidos do Acordo de Paris, nossa melhor chance de garantir um futuro limpo e seguro.

Quando se trata de clima, não podemos permitir uma lambança dessas. Nosso clima é delicado e instável: a última era do gelo se instalou dentro de apenas seis meses. Não estamos falando de tempestades ou inundações, mas de um apocalipse que ameaçaria tudo que amamos! É isso o que mais assusta cientistas em termos de mudanças climáticas.

Mas temos um plano de batalha que, se vencermos, poderá neutralizar o ataque de Trump:
Trabalhar com prefeitos e líderes locais para, coletivamente, honrar os compromissos selados pelos Estados Unidos em Paris, mesmo que Trump não faça o mesmo.
Fazer uma grande campanha para eliminar US$ 1 trilhão de dólares em impostos como pagamento de subsídios para multinacionais de petróleo e carvão, e investindo em energia limpa em vez disso.
Aprovar leis nos principais países fabricantes de veículos determinado que novos carros sejam elétricos.
Fazer com que as grandes empresas e corporações do mundo usem energia 100% renovável.
Se 40.000 pessoas doarem o valor de um café ou refeição nas próximas 24 horas, podemos entrar com tudo nesse plano e ir além, garantindo que Trump não destrua o planeta Terra.


COMENTARIO FINAL – Aguardem mais informações de boa ciência e novas tecnologias, pois o mafioso trust de Paris pretende abocanhar “apenas” 3 trilhões de dólares e Trump está abortando esse PETROTRILHÃO criado em inveja para superar o recorde de desvios mafiosos, no guiness-book hoje em nome de Lula/PT. Lembrem que Trump tem apoio de um povo que tem sonho de Libertação.

LOUVAÇÕES - DE DAVID À LEI DA ATRAÇÃO

SALMO 23 - SALMO DE DAVID.
Lembremos que Dzavid  foi o13o.filho de uma família pobre de pastores com hábito de só herdar o mais velho e os outros tinham que fazer sua vida. Começou caçando lobos que atacavam os rebanhos, foi matar Golias na frente do Rei Saul, foi tocar harpa pra afastar depressões do Rei, cantava seus louvores (Atração?) e não tinha medo de esconder-se entre os inimigos de Saul, e teve os filhos desse Rei que o perseguia como seus generais, construiu seu império com ferro e fogo, pra ser levado ao máximo por Salomão, seu filho, que continuou Salmos,  Provérbios, Cânticos, verberando a vacuidade do vazio de existir...
Todos recomendam esta declaração da LEI, para quem está no vale das sombras.
1 O SENHOR é o meu pastor, nada me faltará.
2 Deitar-me faz em verdes pastos, guia-me mansamente a águas tranquilas.
3 Refrigera a minha alma; guia-me pelas veredas da justiça, por amor do seu nome.
4 Ainda que eu andasse pelo vale da sombra da morte, não temeria mal algum, porque tu estás comigo; a tua vara e o teu cajado me consolam.
5 Preparas uma mesa perante mim na presença dos meus inimigos, unges a minha cabeça com óleo, o meu cálice transborda.

6 Certamente que a bondade e a misericórdia me seguirão todos os dias da minha vida; e habitarei na casa do Senhor por longos dias.