terça-feira, 17 de outubro de 2017

TRUMP NA MIRA DE PSICOPATAS.

ESTE É MAIS UM NOTICIÁRIO MOSTRANDO COMO AGEM AS TREVAS TRANSFORMANDO AS MENTES DE ALGUNS EM PERIGOSOS PSICOPATAS QUERENDO O FIM DA HUMANIDADE.
TRUMP NA MIRA DE PSICOPATAS. Este quer que inventem algo que possa impedir Trump de avançar com seu governo.
AVAAZ, MÁFIAS, KAPETAS... ABRIRAM O INFERNO E SOLTARAM TODAS AS BESTAS.
TEMOS QUE UNIR 99,97% DA ESPÉCIE HUMANA QUE SOFREMOS ESSE ATAQUE.
Jesus Cristo prometeu a intervenção se houvesse perigo do homem sobreviver. Podemos contar que se todos nós usarmos a Lei da Atração para unir a todos que sabem que temos que cuidar nós mesmos de nosso futuro, ELE ESTÁ INTERVINDO DO MODO MAIS MARAVILHOSO QUE SE PODE FAZER.

SE TRUMP NÃO O FIZER, ALGUÉM TEM QUE FAZER O FIM DESSAS MÁFIAS.

A campanha atual da Avaaz é para preservar os Elefantes da extinção. A Espécie humana não lhes causa apreensão, mas os animais eles querem que não acabem... Façam pois a sustentabilidade criando mais parques caríssimos para haver mais marfim para as futuras gerações, né?
Mas a Avaaz esqueceu que o símbolo do Partido de Trump é o elefante?

TRUMP, PUTIN, BANQUEIROS, LE MONDE

LE MONDE TEM TRAZIDO BOAS INFORMAÇÕES
ANTES DE LER O ARTIGO,
NOSSOS AMIGOS DO GEA DEVEM REPORTAR-SE AOS ANTERIORES:

ARTIGO - Estes são os 13 pontos a serem usados para embasar a análise do momento que estamos passando. (Fonte: Le Monde Diplomatique - Brasil.)
1.      O foco do poder não está na política, mas na economia. Quem comanda a sociedade é o complexo financeiro-empresarial com dimensões globais e conformações específicas locais.
2.      Os donos do poder não são os políticos. Estes são apenas instrumentos dos verdadeiros donos do poder.
3.      O verdadeiro exercício do poder é invisível. O que vemos, na verdade, é a construção planejada de uma narrativa fantasiosa com aparência de realidade para criar a sensação de participação consciente e cidadã dos que se informam pelos meios de comunicação tradicionais.
4.      Os grandes meios de comunicação não se constituem mais em órgãos de “imprensa”, ou seja, instituições autônomas, cujo objeto é a notícia, e que podem ser independentes ou, eventualmente, compradas ou cooptadas por interesses. Eles são, atualmente, grandes conglomerados econômicos que também compõem o complexo financeiro-empresarial que comanda o poder invisível. Portanto, participam do exercício invisível do poder utilizando seus recursos de formação de consciência e opinião.
5.      Os donos do poder não apoiam partidos ou políticos específicos. Sua tática é apoiar quem lhes convém e destruir quem lhes estorva. Isso muda de acordo com a conjuntura. O exercício real do poder não tem partido e sua única ideologia é a supremacia do mercado e do lucro.
6.      O complexo financeiro-empresarial global pode apostar ora em Lula, ora em um político do PSDB, ora em Temer, ora em um aventureiro qualquer da política. E pode destruir qualquer um desses de acordo com sua conveniência.
7.      Por isso, o exercício do poder no campo subjetivo, responsabilidade da mídia corporativa, em um momento demoniza Lula, em outro Dilma, e logo depois Cunha, Temer, Aécio, etc. Tudo faz parte de um grande jogo estratégico com cuidadosas análises das condições objetivas e subjetivas da conjuntura.
8.      O complexo financeiro-empresarial não tem opção partidária, não veste nenhuma camisa na política, nem defende pessoas. Sua intenção é tornar as leis e a administração do país totalmente favoráveis para suas metas de maximização dos lucros.
9.      Assim, os donos do poder não querem um governo ou outro à toa: eles querem, na conjuntura atual, a reforma na previdência, o fim das leis trabalhistas, a manutenção do congelamento do orçamento primário, os cortes de gastos sociais para o serviço da dívida, as privatizações e o alívio dos tributos para os mais ricos.
10.  Se a conjuntura indicar que Temer não é o melhor para isso, não hesitarão em rifá-lo. A única coisa que não querem é que o povo brasileiro decida sobre o destino de seu país.
11.  Portanto, cada notícia é um lance no jogo. Cada escândalo é um movimento tático. Analisar a conjuntura não é ler notícia. É especular sobre a estratégia que justifica cada movimento tático do complexo financeiro-empresarial (do qual a mídia faz parte), para poder reagir também de maneira estratégica.
12.  A queda de Temer pode ser uma coisa boa. Mas é um movimento tático em uma estratégia mais ampla de quem comanda o poder. O que realmente importa é o que virá depois.
13.  Lembremo-nos: eles são mais espertos. Por isso estão no poder."
(Le Monde - Diplomatique)
COMENTARIO - POR QUE MOTIVO LE MONDE NÃO CITA DIRETAMENTE QUEM SÃO ESSES MAIS ESPERTOS? ESTÁ PAGO POR ELES? FAZ PARTE DOS MAIS ESPERTOS? ESSES "MAIS ESPERTOS" ESTÃO SOMANDO OS MELHORES PARA CHEGAR AOS QUINHENTOS MILHÕES? (SÓ PARA NOSSOS AMIGOS DO GEA) 

sexta-feira, 13 de outubro de 2017

TRUMP NA FRENTE EUA E ISRAEL DEIXAM UNESCO

Que pensam os escravocratas sobre todos nós? 
TRUMP NA FRENTE EUA E ISRAEL DEIXAM UNESCO ÀS VÉSPERAS DE ELEIÇÃO QUE PODE ESCOLHER DIRETOR ÁRABE
Washington vem adotando política de retirada de tratados no governo Trump
UNESCO – UNITED NATIONS EDUCATIONAL SCIENTIFIC CULTURAL ORGANIZATION
– Que pensam os escravocratas sobre todos nós? Pensam que podem avançar sobre nossas pessoas, nossas crianças, nosso futuro, descriar nossa História, apoderar-se dos organismos democráticos para servirem todos ao seu sonho de Senzala Universal? Aos poucos foram introduzindo suas diretrizes do mundo das trevas nos sistemas educacionais do mundo todo. E esperavam que não surgisse um TRUMP para dar o Basta?
Para entender o significado dessa retirada leiam o segundo artigo e digam: Sem Democracia e respeito ao Ser humano Verdadeiro, haverá sempre um Trump para mostrar que Sem o Sonho Americano não existirá nem a ONU. No Brasil já estamos vendo a Faltade Educação Humanistica aonda leva. 
Vejam nos links ao final mais explicações que nos levam a saber oque fazer.

O GLOBO/ atualizado 13/10/2017 10:20 A sede da Unesco em Paris - Philippe Wojazer / REUTERS

 Presidente dos EUA, Donald Trump, anuncia nova política para relações com o Irã. Trump não ratifica acordo nuclear e impõe sanções à Guarda Revolucionária Iraniana 13/10/2017 14:11
WASHINGTON E NOVA YORK — Após anos de tensões com a Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco) pelo que considera uma “tendência anti-Israel”, o governo americano anunciou nesta quinta-feira que prevê deixar a agência, atualmente em processo de eleição de um novo diretor-geral. Horas depois, o primeiro-ministro israelense, Benjamin Netanyahu, anunciou que também se preparava para abandonar a organização. A saída, no entanto, não é uma surpresa, em um momento em que Washington vem adotando uma política de retirada de tratados, como o Acordo do Clima de Paris, e de organizações internacionais, como o Nafta. Além disso, a possibilidade de o próximo diretor ser um árabe poderia ter sido a gota d’água para os dois aliados. Desde que suspenderam sua contribuição financeira à agência, em 2011, após a admissão da Palestina como Estado-membro, os EUA acumularam dívidas de cerca de US$ 600 milhões. Em nota, a diretora-geral da Unesco, Irina Bokova, lamentou profundamente o anúncio.
O premier israelense, Benjamin Netanyahu: Israel segue Estados Unidos e também sai da Unesco
Letreiro da Unesco na sede em Paris: Israel considera saída dos EUA da Unesco início de nova era.
Segundo funcionários, o governo estava se preparando para uma possível retirada há meses, e esperava uma decisão antes do fim do ano. Vários representantes diplomáticos que seriam enviados à missão na agência este ano foram informados que seus postos estavam suspensos e aconselhados a buscar outras vagas. A saída será efetivada em 31 de dezembro de 2018, quando os EUA passarão a Estado observador.
— A decisão não foi tomada rapidamente e reflete a preocupação dos EUA com os crescentes atrasos nos pagamentos à Unesco, a necessidade de uma reforma fundamental na organização e o contínuo preconceito contra Israel — disse a porta-voz do Departamento de Estado, Heather Nauert.
A saída acontece em um período delicado para a agência, que vota para escolher um novo diretor esta semana, em uma eleição marcada por problemas de financiamento e que evidencia as divisões sobre a associação palestina. A liderança do candidato qatari, Adulaziz al-Kawari, que disputa o cargo com a francesa Audrey Azoulay, mas seguidos de perto pelo egípcio Moushira Khattab, é vista pelos dois países como um fracasso nos esforços para eleger alguém que consideram mais amigável. Esta semana, o embaixador israelense na Unesco descreveu a votação como uma “má notícia para a organização e, infelizmente, também para Israel”.
Para analistas, a retirada é uma escalada significativa das tensões com a ONU. Em outro movimento similar, Trump deve anunciar hoje sua decisão sobre o acordo nuclear iraniano tudo indica que o presidente se negará a certificá-lo.
— Este é mais um exemplo da profunda ambivalência do governo Trump e mostra sua determinação de se diferenciar de seus antecessores — afirmou ao “Washington Post” Aaron David Miller, ex-negociador e conselheiro sobre Oriente Médio em governos anteriores.
PAÍS ESTEVE FORA DA AGÊNCIA POR 18 ANOS
Em julho, a Unesco qualificou à Cidade Velha de Hebron, localizada nos territórios palestinos, como “de valor universal excepcional” e o colocou na lista de patrimônios em perigo. Poucos meses antes, a Unesco havia identificado Israel como uma força de ocupação em Jerusalém. A medida fez com que os EUA afirmassem que analisavam seus vínculos por sua “afronta à História”. Na quinta-feira, pouco depois de Washington, Israel qualificou a Unesco de “teatro do absurdo, onde se deforma a História”.
— Entramos em uma nova era das Nações Unidas: quando discriminar Israel, terá que assumir as consequências — afirmou o embaixador israelense na ONU, Danny Danon.
Desde 2011, os atrasos de pagamento dos EUA acumularam cerca de US$ 600 milhões, segundo a diretora-geral Irina Bokova. À época, o orçamento americano anual equivalia a 22% do total da organização, algo em torno de US$ 70 milhões. Bokova, no entanto, disse ter reiterado várias vezes que o pagamento imediato não era um problema, mas pedia o reengajamento político dos EUA na organização.
A universalidade é fundamental para a missão da agência de fortalecer a paz e a segurança internacionais diante do ódio e da violência — afirmou. — É uma perda para a família das Nações Unidas. É uma perda para o multilateralismo.
Assim como Bokova, o secretário-geral da ONU, António Guterres, lamentou a decisão, mas afirmou que continuará trabalhando com o governo Trump “apesar das diferenças”. “Interagimos com os EUA de forma muito produtiva em uma série de questões e continuaremos fazendo isso”, disse o porta-voz da ONU, Farhan Haq, minimizando a saída.
Apesar de terem ajudado a criar a Unesco, após o fim da Segunda Guerra Mundial, os EUA sempre criticaram sua suposta tendência em favorecer os países do Leste Europeu e decisões anti-Israel. Em 1984, o então presidente Ronald Reagan decidiu retirar o país da agência, alegando suspeitas de corrupção e favorecimento de países do bloco soviético. O retorno só aconteceria em 2002.
Unesco - Após anos de tensões com a Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco) pelo que considera uma “tendência anti-Israel”, o governo americano anunciou ontem que prevê deixar a agência, atualmente em processo de eleição de um novo diretor-geral.

BLOG / RODRIGO CONSTANTINO
ARTIGO - UNESCO QUER CORTAR RAÍZES DA ÁRVORE MILENAR CHAMADA POVO JUDEU
10 de maio de 2017 - Por Marcia Rozenthal, publicado pelo Instituto Liberal
Há árvores, vivas até hoje, que datam de mais de 5 mil anos. Suas presenças seduzem, intrigam e instigam as mentes curiosas. Raízes profundas, troncos largos, galhos entrelaçados e abertos, trocam suas folhas a cada estação. Já presenciaram vários “mundos”, que emergiram súbita ou insidiosamente do ventre de seus antecessores. Testemunhas mudas do que fomos, somos, e provavelmente do que viremos a ser. Certamente sobreviverão àquilo que nos levará daqui.
Um povo também se desenvolve a partir de suas raízes. É através delas que extrai a seiva que alimenta sua alma, composta pela sua história e memória. E é sobre estas estruturas que seu corpo se desenvolve e sustenta. Quanto maior a força do geotropismo, mais difícil é extirpar-lhe a existência. Seus indivíduos, como galhos de uma árvore, se vão com o desgaste do tempo ou com as mudanças de estação. Entretanto, quando suas fundações são fortes, sua existência é certa e ele se renova com graciosidade a cada novo ciclo.
O povo judeu é uma árvore milenar, consciente de que sua sustentação está em suas raízes históricas e na terra onde estas penetraram, de forma vigorosa, já no início de sua jornada. Como tudo o que é longevo, já lidou com o mal nas suas várias formas, e sobreviveu a todas elas. Já cortaram seus galhos, serraram seu tronco, e no dia 02 de maio de 2017, sob uma máscara satânica que se denomina UNESCO, tentaram amputar suas raízes.
Quem estaria por trás dessa iniciativa?
Pessoas mal-intencionadas, que proclamam, nas entrelinhas de um discurso do absurdo, sua meta em construir um mundo hidropônico, desprovido de história, memória e princípios, para que assim possam facilmente dominá-lo. Para elas, o povo judeu e Israel representam uma síntese daquilo que querem destruir para sempre.
Pessoas que, na sua arrogância mimada, não sabem olhar uma árvore frondosa e lhe prestar o devido respeito. Abraçam-na por modismo, mas não se perguntam como ela sobreviveu à chuva, ao sol, aos raios, à seca sem ter tido sequer um teto que a escudasse.
Pessoas cínicas, que se arvoram em proteger ovos de tartaruga, baleias e animais silvestres e que desprezam o valor intrínseco e sublime do princípio de uma vida humana.
Pessoas que discriminam descaradamente o sobrevivente, e que apodrecem com desvelos o refugiado.
Pessoas cegas ao simbolismo da perenidade, insensíveis aos valores absolutos, que querem criar um mundo cada vez mais descartável e relativizado.
O “Brasil” votou na UNESCO a favor de mais uma macabra tentativa de negar os laços entre o povo judeu e a cidade de Jerusalém. Algo tão absurdo como negar à árvore a relação com sua raiz. O povo judeu é umbilicalmente ligado à cidade de Jerusalém, e não há decreto ou voto que possa mudar essa realidade. Posso crer que essa ideia seja complexa para mentes comezinhas, já que é uma realidade que ultrapassa a concreta noção de tempo e de espaço do cotidiano.
Desprezo a UNESCO pelo simples fato de ter abrigado tal querela.
Como brasileira gostaria de dizer que este voto não me representa. E que esse voto vale tanto quanto a palavra de quem o deu. O Brasil no dia 02 de maio de 2017 é governado por uma casta, para quem a palavra nada vale, a mentira é inócua e a falta de sintonia com valores morais é a regra.
Os países que votaram como o Brasil na UNESCO participam de um verdadeiro complô, que visa à criação de um mundo hidropônico, onde raízes flutuam na água.
Dizer mais o quê?
Sobre a autora:  Marcia Rozenthal é neuropsiquiatra e doutora em psiquiatria.
  


terça-feira, 10 de outubro de 2017

ESTÃO USANDO PLACEBO PARA MATAR?

PLACEBO PARA MATAR? PROPOSITAL A SERVIÇO DE ROTHSCHILD? Declarar que uma doença é incurável ESTE É O MAIOR CÂNCER DA MEDICINA... AS PEDRAS DA GEÓRGIA AUTORIZAM...
Fala-se muito e se demonstra que há um efeito placebo de uma simples colherada de água que se dá a um doente afirmando que é remédio para aquela doença e a doença é curada! Será que houve crime em curar esse doente por um meio fraudulento?
Estávamos discutindo esse assunto, quando alguém quis saber: “E se eu colocar em um copo um pouco de bicarbonato e mandar um doente leve tomar afirmando que terá uma surpresa em sua doença e, logo que ele o engoliu lhe avisamos que era um terrível veneno, dado por engano, e ele morre?“ Ante a resposta de que seria crime, ele retorna: “Então são crime por efeito placebo todas essas mortes de câncer, onde a simples palavra de diagnóstico tumoral maligno acaba tendo efeito fatal, quando nem mesmo o médico sabe o que é?” SILÊNCIO SEPULCRAL, NÉ?
Estamos comentando este artigo de Jéssica Maés,
HOMEOPATIA CIENTISTAS EUROPEUS TOMAM DECISÃO CONJUNTA CONTRA HOMEOPATIA
PREVIAMENTE – Eu nunca fui homeopata. Mas aprendi a técnica e apliquei muitas vezes dinamizando decocto OU INFUSÃO de ervas medicinais já conhecidas. Eram casos em que as pessoas não suportavam tomar medicamentos nem os chás e em diluição homeopática de concentrado da erva fez os mesmos efeitos da erva. Um caso foi muito difícil, porque a pessoa era idosa, estava inconsciente, tomando as coisas líquidas dadas em mamadeira pela filha e vomitava tudo que tivesse gosto forte. O efeito tinha que ser reativar Paratireóide que não produzia o hormônio. Após 30 dias o médico mandou fazer a dosagem em laboratório e acusou a cura! (Ela não foi avisada em momento algum que na mamadeira havia dinamização de ervas para ativar suprarrenal, timo, tireóide e paratireoides, a filha dela afirmou não acreditar em homeopatia. Efeito placebo, sem ninguém entender, né?). Mas, por estar curada, a família desobedeceu minha orientação contra o conselho médico e decidiram fazer cirurgia nela... Faleceu de choque de anestesia na mesa! E eu desaconselhei exatamente por ser ela sensível até a coisas geladas ou muito quentes. Mas, médico decide...
Nesse artigo há esse confronto com diagnose de câncer... Temos livro em segunda edição, contando experiências com FALSO CÂNCER. É doença inexistente e que os pacientes morrem SEMPRE, como fim de tratamento... e nosso GEA classifica como assassinato médico por tratamentos com diagnósticos mafiomercantilistas para usar tratamentos só pra faturar.
O GEA USA DIAGNÓSTICO PELOS PULSOS RADIAIS da antiga China e depois de saber o que está acontecendo buscamos algo já usado anteriormente para casos semelhantes. Só não se cura quem não faz o recomendado.
Leiam esta imbecilidade e não precisam dizer nada.
Eis o artigo:
Há muitas curas medicinais antigas que já não usamos. Não consumimos mais pó de múmia, por exemplo – pedaços de cadáveres humanos mumificados triturados que costumavam ser vendidos como produtos curativos. Geralmente, não usamos sanguessugas – pelo menos a maioria de nós. Mas de alguma forma, alguns médicos ainda estão empregando medicina homeopática, uma prática desacreditada do século 18.

É oficial: homeopatia é só água cara, tão boa quanto qualquer placebo
A homeopatia descreve todo um sistema de medicina alternativa elaborado pelo médico Samuel Hahnemann em 1796 com base em um princípio de que o “semelhante cura o semelhante”. Essencialmente, Hahnemann acreditava que uma doença pode ser curada utilizando-se a mesma substância que causa os seus sintomas, mas diluída em proporções infinitesimais. Isso pode soar parecido com as vacinas (micróbios enfraquecidos usados ​​para treinar o sistema imunológico do corpo) mas não é.
Basicamente, os homeopatas encontram uma substância a partir de uma lista de muitos remédios e, em seguida, o diluem muito bem em alguma solução, água ou alguma outra substância, e os pacientes ingerem para curar os sintomas. Isso é bom porque, em última análise, o efeito placebo pode curar muito, sintomaticamente. Mas quando os remédios homeopáticos são oferecidos no lugar do tratamento do câncer, as coisas mudam de figura. Na semana passada, o Conselho Consultivo de Ciências das Academias Europeias emitiu uma declaração: depois de analisar as pesquisas, determinaram que não há evidências robustas e reprodutíveis que respaldam a eficácia da homeopatia para qualquer das doenças que ela deveria tratar.

Homeopatia perde mais uma batalha
Os cientistas europeus não querem proibir os medicamentos homeopáticos de forma definitiva. Em vez disso, eles gostariam de garantir que os consumidores estejam melhor informados e que os fornecedores sejam abertos sobre as evidências que respaldam a eficácia dos produtos.
No entanto, a decisão do conselho não é a lei. “Não acho que vá haver diminuição no interesse em tratamentos homeopáticos”, diz Arthur Caplan, bioeticista da Faculdade de Medicina da Universidade de Nova York. “Especialmente considerando as alegações na internet em relação à sua eficácia”.
HOMEOPATIA NÃO FUNCIONA. MESMO. Estudo finalmente comprova

Obviamente, as misturas super diluídas são seguras, e os sites de homeopatia enfatizam isso. Este não é o caso se você tiver uma doença que ameace a vida – novamente, alguns sites suspeitos afirmam que os remédios homeopáticos podem tratar o câncer. Independentemente disso, o comitê deve ajudar a orientar os órgãos reguladores da União Europeia enquanto estes tomam decisões sobre a prática. [Gizmodo] POR: JÉSSICA MAES, EM: 5.10.2017

sábado, 7 de outubro de 2017

AVAAZ PSICOPATA CONTRA TRUMP E LIVRE DEMOCRACIA

AVAAZ PSICOPATA CONTRA TRUMP E LIVRE DEMOCRACIA NOVAMENTE SE APRESENTA LOBO EM PELE DE CORDEIRO
TENTA APRESENTAR SEUS ATOS ESCRAVAGISTAS COMO DEFESAS DA DEMOCRACIA
Vejam abaixo os destaques que fizemos - PRESIDENTE CORRUPTO DO BRASIL; IMPEDINDO DONALD TRUMP; BARÃO DA MÍDIA RUBERT MURDOCH; NOVA VERSÃO DO DAVI VS GOLIAS...
Quem era o ”menino de 9 anos muito crescido GOLIAS” morto pelo terrível matador David que a Bíblia reunida por seu filho Salomão conta que o próprio Jeovah não quis dele o Templo de Jerusalém porque tinha as mãos sujas de sangue? Quiseram impedir a Agricultura Brasileira, mas no Iemem e Bangladesh levaram toneladas de arroz de algum agronegócio, né? O caso Murdoch? Declaram sem nenhuma vergonha que defendiam a Sky! Trump defender-se da Internet esquerdizada era pra eles querer controlar o que os putralhas mundiais escravizam! AVAAZ quer que o site CONTRA TRUMP ataque sem Trump poder defender-se!  E o aquecimento global virou combate a mudanças climáticas... acusando a tecnologia por ciclos da natureza... No Iemen de brigas entre máfias islamitas vão pedir à ONU sem exigir dos Sauditas e Iemenitas que respeitassem os mandamentos... No povo Rohingya de Mianmar não conta que essas minorias terroristas saíram atacando os budistas maiorias e estes lhes fizeram o mesmo corta-pescoços que eles fazem aos budistas... O parlamentar Korwin-Mikke foi acusado de defender menores salários para mulheres quando ele apenas explicou os argumentos dos empresários... SÃO DOIS PESOS E DUAS MEDIDAS DE UMA DEFENSORA DA PSICOPATIA FEUDAL ESCRAVAGISTA QUE OS POVOS TERÃO QUE LIQUIDAR.

É inacreditável -- estamos vencendo os maiores Golias presentes hoje no mundo, das forças que ninguém achou possível serem derrubadas! Nas últimas semanas ajudamos:
A arruinar os planos do PRESIDENTE CORRUPTO DO BRASIL de abrir um buraco do tamanho da Dinamarca na floresta Amazônica!
A propor uma ordem judicial IMPEDINDO DONALD TRUMP de acabar com os direitos de privacidade na internet na abertura de uma investigação na ONU sobre as ATROCIDADES NO IÊMEN, apesar da oposição feroz da Arábia Saudita.
A adiar uma decisão do governo inglês sobre a tentativa do BARÃO DA MÍDIA RUBERT MURDOCH de controlar de vez a imprensa britânica.
Ninguém acreditava que era possível vencer essas brigas. Mais de uma vez nos disseram para desistir porque as pessoas envolvidas eram poderosas demais, mas mesmo assim....fomos em frente!
Nosso movimento está escrevendo uma NOVA VERSÃO DO DAVI VS GOLIAS. Uma versão na qual 1 milhão de Davis armados da confiança no poder da mobilização popular estão mudando o curso da história uma campanha após a outra…
Você precisa saber o que estamos conquistando neste momento:
Salvando uma área do tamanho da Dinamarca na Amazônia!
Quando o presidente Temer tentou rifar um precioso pedaço da floresta ao interesses minerários, quase 2 milhões de membros da Avaaz se uniram aos apelos das lideranças indígenas, celebridades e políticos, forçando-o a reverter o decreto. Nós levamos nosso apelo até Nova York e colocamos Temer no centro do escândalo ao orquestrar uma mega repercussão na imprensa dias antes dele discursar na ONU. Um parlamentar brasileiro definiu esse como "o maior ataque dos últimos 50 anos à floresta Amazônica" -- e nós impedimos!
Equipe da Avaaz, líderes indígenas e ONGs entregando a petição no Congresso brasileiro.
IMPEDINDO QUE TRUMP CONTROLE A INTERNET
Quando a administração de Trump solicitou detalhes pessoais de milhões de pessoas no mundo inteiro que haviam visitado um site anti-Trump, a Avaaz foi aos tribunais com outros grupos para proteger nossa privacidade. O governo deu pra trás no pedido mas o juiz foi além, limitando consideravelmente os poderes do governo e abriu um precedente importante para casos futuros!
Trump-internet-original760x456.jpgCoordenador Sênior de Campanhas da Avaaz Nick Kimbrell em frente ao tribunal nos EUA segurando a petição e as assinaturas da Avaaz.
Buscando justiça para o Iêmen
Há anos que a Arábia Saudita bombardeia o Iêmen impunemente -- matando crianças e arrasando o país. Quando uma votação na ONU para iniciar uma investigação desses crimes estava pau a pau, a comunidade Avaaz se mobilizou rapidamente. Enchemos de mensagens alguns governos-chave para mostrá-los que o mundo estava atento. E funcionou: França e Canadá mantiveram seus votos e a Arábia Saudita perdeu. Agora, finalmente a justiça será possível!
EU-760x456.jpgVotação na Assembleia Geral ONU pela investigação de abusos dos direitos humanos no Iêmen, após uma campanha gigante da Avaaz.
Sendo a "mosca na sopa" entre Murdoch e a Sky!
Rupert Murdoch achou que comprar a maior emissora da Europa e ter controle sobre a inteira mídia britânica seria como roubar brinquedo de criança. Mas nós provamos o contrário! Trouxemos pra Inglaterra vítimas de escândalos raciais e sexuais da Fox nos EUA para chamar a atenção dos reguladores; causando um alvoroço na mídia. Quando conseguimos uma decisão provisória, processamos o instituto regulador inglês pela investigação medíocre que concluía que os Murdochs eram "compatíveis e adequados" para comandar veículos de imprensa. Agora, a oferta será sujeita a (pelo menos) mais seis meses de investigação!
Esse negócio não está fechado-- e de acordo com esse artigo incrível da Bloomberg (em inglês), nossa comunidade é a "mosca na sopa" que está arruinando a festa de Murdoch.
Arrecadando 1.6 milhões de dólares para resgate e ajuda aos rohingyas
Quando o exército de Mianmar começou o massacre do povo rohingya forçando dezenas de milhares de pessoas a fugirem para Bangladesh, a comunidade da Avaaz se uniu e em poucos dias arrecadou mais de 1.6 milhões de dólares a serem enviados aos nossos parceiros. Eles rapidamente contrataram barcos para o resgate de famílias aterrorizadas, entregaram 110 toneladas de arroz para milhares de pessoas em Mianmar, construíram banheiros e poços de água potável e providenciaram abrigo e ajuda humanitária.
Ao mesmo tempo, mais de 1 milhão de nós exigimos o fim do apoio militar de nossos governos para Mianmar. A equipe da Avaaz entregou nosso apelo diretamente aos líderes presentes na ONU em Nova York: o Reino Unido concordou na suspensão e os EUA rejeitaram uma proposta de lei que pedia o aumento de ajuda aos militares!
Rohingya--Crianças em acampamento de refugiados em Bangladesh. Partners Relief & Development, agência financiada pela Avaaz.
Enfrentando a extrema-direita na Alemanha
Depois que o partido de extrema-direita alemão AfD teve 13% dos votos nas últimas eleições, lançamos a carta aberta mais viral até hoje na Alemanha deixando claro que a maioria da população não apoia a agenda deles. Em poucas horas, 490 mil pessoas assinaram a carta que dizia ao AfD: "Somos os 87% da população que não votou em vocês" e a imprensa nacional espalhou nossas vozes aos quatro ventos!
DE-Elections-760x.jpgNossa carta ao AfD alcançou quase meio milhão de assinaturas e recebeu muita atenção na imprensa!
Escorraçando o ódio para fora do Parlamento Europeu
Quando o parlamentar Korwin-Mikke disse que mulheres deveriam ganhar menos porque eram "fracas, menores e menos inteligentes", não perdemos um minuto sequer em exigir sua suspensão. Quase 1 milhão de europeus se uniram ao pedido. Parlamentares apresentaram nossa petição dentro do Parlamento Europeu e o político machista recebeu sanções inéditas!
O parlamentar machista Korwin-Mikke recebeu sanções inéditas depois que quase 1 milhão de membros da Avaaz se uniram ao pedido.
Não são raros os momentos nos quais me sinto pequena diante das crises que estamos enfrentando. Me pego imaginando como vou explicar essa fase à minha filha daqui alguns anos, esperançosa de que seja uma linda história de triunfo do espírito de humanidade frente ao ódio, guerras, divisão, violência e mudanças climáticas.


quarta-feira, 4 de outubro de 2017

TRUMP COM PUTIN CONTRA COMEDORES INUTEIS E ROTHSCHILDS

ESTAMOS SENDO ESCRAVIZADOS POR MAFIOSOS COMEDORES INÚTEIS E TEMOS QUE FICAR LIVRES DESSA SENZALA QUE A MÍDIA QUER ENFIAR-NOS PELA GOELA
É finalidade da Putralha Banqueira fazer o maior holocausto já sonhado pelos Escravocratas de todos os tempos. Isso está transcrito em Pedras de granito ao lado de estrada da Geórgia.
As Pedras guia da Geórgia (Georgia Guidestones) formam um monumento em granito localizado no Condado de Elbert, Geórgia, Estados Unidos. Foi em 1978, que foram erguidas as pedras.
Ficam ao lado leste da estrada que vai de Hartwell para Elberton, com entrada por derivada para Leste, no Estado da Geórgia.
Na placa ao lado estão escritos dez mandamentos para a Nova Ordem:
1. Manter a humanidade abaixo de 500.000.000 em perpétuo equilíbrio com a natureza.
2. Controlar a reprodução sabiamente - aperfeiçoando as condições físicas e a diversidade.
3. Unir a humanidade com um novo idioma vigente.
4. Controlar a paixão - fé - tradição - e todas as coisas com razão moderada.
5. Proteger povos e nações com leis e tribunais justos.
6. Permitir que todas as nações regulem-se internamente, resolvendo disputas externas em um único tribunal mundial.
7. Evitar leis insignificantes e governantes desnecessários.
8. Equilibrar direitos pessoais com deveres sociais.
9. Valorizar a verdade - beleza - amor – procurando a harmonia com o infinito.
10. Não ser um câncer sobre a terra – Deixar espaço para a natureza.

NOS PROTOCOLOS O FUNDADOR DA CASA ROTHSCHILD DECLARA GUERRA AO QUE ELE CHAMA DE “COMEDORES INÚTEIS”. Seriam todos os definidos a mais dos 500 milhões do Mandamento primeiro das Pedras e também pelo décimo “Não ser um câncer sobre a terra”.
Os esquerdopatas, ambientalistas, extremistas, fazedores de guerras, Máfias Escravagistas Unificadas, todos Psicopatas, julgam-se no direito de classificar nessa condenação à morte todos os que se opõem a eles. São 0,03% da humanidade que escravizam 99,97%.
Os otimistas que confiam na parte ética da Humanidade entendem que esses dois grupos a serem extintos da Terra sejam exatamente os Psicopatas Escravocratas, sejam de direita ou de esquerda, incluindo os autodeclarados iluminati e os Bancopatas sob a direção Rothschild.
Os ufo-espirititis que pululam nas redes de sensacionalismos falam em seres não visíveis, no velho estilo dos vigaristas da era das cavernas que se diziam serem os mediadores entre os trouxas que escravizavam e os Senhores Irracionais, do Raio, do Trovão, do Furacão, do Terremoto, do Eclipse, da Doença, da Inundação, da guerra, irracionais, temperamentais donos do ouro, dos alimentos, da vida e da morte. Colocam na cabeça dos escravizados uma ideia de CARMA que os coisas-gente devem, sem saber, e terão que pagar dando todas as suas posses a eles, os PSICOPATAS.
O confronto programado em “profecias” para realizar a destruição vem sendo adiado em apertos violentos, seguidos de aparentes afrouxamentos em que pensam estar ganhando mais poder.
Encurtando nossa mensagem – COMO FAZER O FIM DESSES PSICOPATAS “COMEDORES INÚTEIS”?  
RESPOSTA – ELES MESMOS já puseram suas cabeças na guilhotina. OS ROBÔS farão a libertação. A lógica é total. Quem faz os robôs são os escravizados. Quem terá que consumir essa infinita e barata produção tem que ser CONSUMIDORES SAUDÁVEIS, LONGEVOS, COM SEGURANÇA E RENDAS... São exatamente os que perdem seu lugar nos postos de emprego que os robôs substituem!
PREPAREM-SE PARA CUMPRIR A PROFECIA DOS GRANDES MESTRES – OS QUE AMAM AOS OUTROS COMO A SI MESMOS, DESEJANDO QUE TODOS TENHAM ESSA RIQUEZA SEM FIM, Herdarão a Terra! ESSE É O SEGREDO, A LEI DA ATRAÇÃO, DA AÇÃO E REAÇÃO, DA ENERGIA INFINITA QUE VAMOS PODER REALIZAR COM AS MÁQUINAS PREVISTAS POR EINSTEIN, QUE EM BREVE ESTAREMOS PONDO EM USO, COM LUCRO PARA TODOS E SEM PREJUÍZO PARA NINGUÉM. As empresas não mafiosas continuarão em seguro mútuo, produzindo de tudo com menos trabalho e menos custos e todos os usuários receberão rendas desse mar de produtos para ter como usá-los.
RESUMO FINAL - VAMOS ACABAR COM OS COMEDORES INÚTEIS TRANSFORMANDO-OS EM CONSUMIDORES ÚTEIS! E CUMPRIMOS ASSIM OS DEZ MANDAMENTOS DAS PEDRAS DA GEÓRGIA DE MODO POSITIVO - A POPULAÇÃO PODE CAIR PERIGOSAMENTE com muito conforto E TERÁ QUE SER ESTIMULADA pra manter-se "em perpétuo equilíbrio com a natureza".

LEIAM MAIS DETALHES NESTE BLOG. ENTENDAM! PARTICIPEM! AJUDEM A FAZER!

terça-feira, 3 de outubro de 2017

TRÊS CIENTISTAS NOBELIADOS MAS COMO FICARÁ O MUNDO QUANDO A MÁQUINA PREVISTA POR EINSTEIN FOR CONHECIDA?

ONDAS DE GRAVIDADE? SÃO SIMPLES ONDULAÇÕES QUÂNTICAS 
COMENTARIO PRÉVIO – Vejam no artigo: Essa suposição de que elas viajam à velocidade da luz nos faz ter certeza de que são apenas ondulações quânticas da luz distorcida pela proximidade de corpos quânticos volumosos, com suas dispersões nas partículas em atrito.
NÃO SÃO VIBRAÇÕES DA MASSA GRAVITACIONAL. 
No artigo está contado que Einstein estava convencido de que não seria possível mensurá-las. Eu concordo com Einstein e o motivo é que o contínuo espaço tempo é CONTINUO! E falta definir sua natureza para poder fazer experimento para trazer energia dessa massa para o campo quântico. O que acontece é que os cientistas não fizeram extração de nenhuma força para nosso uso, nem estão procurando fazer proposta de experimento para extraí-la.
Eu já fiz isso. 
Com base na definição da natureza da massa infinita que serve de suporte a tudo, pesquisei e construí protótipos e com os mecanismos construídos extraí quanta energia pudesse usar, e contra fatos não há argumentos. O experimento a fazer para “ver” a massa gravitacional será feito com máquinas de ondas mentais, que não se limitam à velocidade da luz. 

O ARTIGO:

3 CIENTISTAS GANHAM O NOBEL NA FÍSICA COM A DETECÇÃO DE ONDAS GRAVITACIONAIS
Por Jeanna Bryner, editor de gerenciamento de ciência ao vivo | 3 de outubro de 2017 às 06:21 HE
A descoberta tem grandes implicações para a ciência.
Cerca de 1,3 bilhão de anos atrás, dois buracos negros se estremeceram, enviando ondulações no espaço-tempo através do cosmos. Três professores que foram integrantes na detecção dessas chamadas ondas gravitacionais pela primeira vez foram premiados com o Prêmio Nobel de Física deste ano nesta manhã (3 de outubro).
Rainer Weiss do MIT, Kip S. Thorne de Caltech e Barry C. Barish, também na Caltech, "garantiram que mais de quatro décadas de esforço levaram a ondas gravitacionais a serem observadas", de acordo com NobelPrize.org. 
Em 14 de setembro de 2015, as ondas, que viajam à velocidade da luz e resultam de algumas das colisões mais violentas do espaço, apareceram como oscilantes fracos nos padrões de luz no LIGO duplo (Observador de ondas gravitacionais de interferência a laser) detectores nos Estados Unidos.
Albert Einstein havia predito essas ondulações no espaço-espaço há cerca de 100 anos, embora ele estivesse convencido de que não seria possível mensurá-las. Ele também não tinha certeza se esses tremores no tecido do espaço-tempo eram apenas uma ilusão matemática, de acordo com NobelPrize.org.
Detectar as ondas levou dois detectores extremamente sensíveis, enfeitados em lasers, espelhos, filtragem de ruído avançada e os maiores sistemas de vácuo do mundo, para capturar as pequenas ondulações. Não só os laureados Nobel deste ano foram integrantes na detecção de ondas gravitacionais e revelando que eles são um fenômeno real, seu trabalho também mostrou que o universo contém buracos negros de tamanho médio com massas entre 30 e 40 vezes a do sol e que podem fundir. 
O trio dividirá o prêmio do Prêmio Nobel de 9 milhões de coroa sueca.
Movendo massas geram ondas de radiação gravitacional que esticam e espreitam espaço-tempo. 
A Teoria geral da relatividade de Einstein sugere entre outras coisas que as massas no espaço distorcem a geometria do espaço tempo. Em consequência, movendo-se os objetos emitem ondas de radiação gravitacional que carregam energia através do espaço.
Leiam mais análises do tema:



ROTHSCHILD CONTRA TRUMP COM EFEITOS

ROTHSCHILD CONTRA TRUMP COM EFEITOS COLATERAIS
COMENTÁRIO - SUICIDARAM REITOR DE UNIVERSIDADE EM SANTA CATARINA, isto é efeito colateral do Estado Policial brasileiro?
Este artigo é só pra nosso GEA, e ainda assim, só para os que sabem que não existe Conspiração nenhuma. A GESTAPO E A NKVD receberam ouro do Rei Abismal autodeclarado REI do inventado Povo Escolhido para morrer. Queriam eles obedecer ao Genocídio escrito nas PEDRAS DA GEÓRGIA em 10 Mandamentos.
Quem vai entender tudo isso junto?
Pizza com uva fresca? Macarronada com bacalhau? Ou Xiz-Tudo com pão falsificado?
Enquanto isso, um Roths paga ao Maçon na Presidência Tupiniquando, que, na ânsia de fazer sua parte na Lei das Pedras da Geórgia, para acionar os escravos que matam por propina, sem saber a que demônios estão obedecendo, PAGA QUANTO PEDEM.
O suicídio é um efeito colateral, um detalhe de treinamento de uma juíza, mero trabalho de destruir reputações de inocentes, prendendo ostensivamente acusado por mentiras compradas. Será uma experimentação?
Esclarecemos a nossos estudiosos que estamos em um estado policial moro (moros eram os psicopatas islâmicos que a Hyspania expulsou).
Que Maçonroca!
As FFAA não entraram com sua intervenção porque a Bomba Sociotrônica não tem ainda pressão suficiente para poderem matar seletivamente os emputralhecidos e poupar os recuperáveis através de fazer um Estado Mínimo que consiga voltar à Democracia sem o Escravagismo explícito vigente com o emaranhado quântico da venda das peças carimbadas com todos os documentos registrados desde passaporte, Certidão de Tributos, Antecedentes em Carteira Assinada, etc. Esse caos tem como determinante os Impostos por imposição, que as ffaa terão que reduzir a Zero. Vocês já têm todos os detalhes dessa operação e enviarão às pessoas certas na hora certa.
NÃO ENTENDERAM? É SÓ IR LENDO E COSTURANDO AS INFORMAÇÕES QUE ESPALHEI NO BLOG.

segunda-feira, 2 de outubro de 2017

MÁFIAS ACUSAM TRUMP DOS CRIMES QUE ELAS PRATICAM

DONALD TRUMP É O HOMEM MAIS PERIGOSO DO MUNDO
RESPONDEMOS -  O perigo são os psiquiatras e acadêmicos que o acusam.
Gilberto Hauer “AINDA SOBRE o artigo que acusa Trump/ para Jorge Geisel
É óbvio que são todos de esquerda, a começar pelo tal de Chomsky (linguista; e ativista de esquerda). Se querem se apresentar como psiquiatras, vou citar a obra de um outro psiquiatra que, em seu livro, lançado muito antes do abordado aqui, trata do esquerdismo como "doença mental".
A enorme diferença é que ele NÃO faz DIAGNÓSTICO a respeito de um único indivíduo. Ele apresenta as causas PSICOLÓGICAS responsáveis pelo desenvolvimento da "mente esquerdista" como "doença", em qualquer indivíduo que venha a ser vítima dessas "causas".
Agora, em 2016, a ‘Vide editorial’, de Campinas – SP lançou um livro de 2006, nos EEUU. Seu autor é o médico psiquiatra americano, especializado em psiquiatria geral e forense, LYLE H. ROSSITER que, “por mais de 40 anos diagnosticou e tratou desordens mentais”.
Na língua portuguesa, por tradução de Flavio Quintela, o título da obra é: “A mente esquerdista – as causas psicológicas da loucura política”. Em determinado trecho ele reproduz, traduzido, o que o autor escreveu:
"Muito longe de preparar suas crianças para vidas de liberdade genuína, baseada na autonomia pessoal, na autoconfiança e na cooperação consentida, a agenda esquerdista PROMOVE uma ACOMODAÇÃO INFANTIL e não crítica às regras, regulações e expropriações essenciais ao ESTADO COLETIVISTA e uma DEPENDÊNCIA, igualmente INFANTIL, a uma sociedade que se compara a uma grande família."
"sociedade que se compara a uma grande família" seria aquele tipo de sociedade que Karl Popper (1902 - 1994) identificava como "Tribais e Primitivas", sempre dependentes de um "Pajé" (um pai de todos).
Eis o artigo
Enquanto as autoridades norte-coreanas qualificam Donald Trump como velho lunático, os psiquiatras norte-americanos continuam diagnosticando sua saúde mental. No livro mais recente, psiquiatras norte-americanos confirmam que ele representa uma ameaça.
"O caso perigoso de Donald Trump: 27 psiquiatras e especialistas em saúde mental avaliam um Presidente". Nesta obra coletiva, psiquiatras e outros especialistas afirmam que a sua saúde mental representa ameaças para nação e para o mundo, informa o The Independent.
A obra inclui análises e artigos que descrevem os traços de personalidade do presidente norte-americano que, de acordo com os especialistas, são compatíveis com sintomas de narcisismo, sociopatia e outras doenças mentais.
Obra inclui análises e artigos que descrevem traços de personalidade do presidente norte-americano
"Coletivamente com nossos coautores, afirmamos que uma pessoa mentalmente instável, como o senhor Trump, não deve exercer competências presidenciais com poder de vida ou morte", escreveram Judith Lewis Herman, de Harvard, e Bandy Lee, da Universidade de Yale, no prólogo do livro.
Ex-psiquiatra da Universidade de Harvard, Lance Dodes comunicou que Trump possui "qualidades sociopáticas" e "uma perda persistente da realidade".
"Acreditamos que Trump é a pessoa mais perigosa do mundo, o líder poderoso de um país poderoso, que pode ordenar o lançamento de mísseis contra outro país por causa da aflição individual (ou aflição dos membros de sua família) causada por cenas tristes de pessoas gaseadas até à morte", afirmou o psicólogo Philip Zimbardo, comentando a decisão de Trump de atacar a base síria de Khan Shaykhun.
O The Independent nota que nem todos os autores do livro são psiquiatras ou psicólogos. A lista de coautores inclui também o especialista em linguística Noam Chomsky e a jornalista Gail Sheehy.
COMENTARIO – OS PSICOPATAS, MANIPULADORES, MENTIROSOS SEM NENHUMA SENSIBILIDADE PARA OS MALES QUE PRODUZEM, FORMAM AS MÁFIAS DO MUNDO, QUE SÃO QUADRILHAS ORGANIZADAS COM O OBJETIVO DE PREJUDICAR OS OUTROS SOB FACHADAS DE RELIGIÕES, IDEOLOGIAS, OU EMPRESAS LEGALMENTE CONSTITUÍDAS.
SÃO ESSAS MÁFIAS QUE TEMOS QUE EXTIRPAR.      
VEJAM TAMBÉM:



SEPARAÇÕES? CATALUNHA E PSICOPATAS MAFIOSOS

CATALUNHA, ESQUERDAS, UNIÃO EUROPEIA, FALSAS MAIORIAS
Hoje, dia 2 de Outubro, os alucinados esquerdopatas do mundo inteiro, contando menos de 30% do eleitorado da Catalunha dizendo “Separação”, PROCLAMAM QUE GANHARAM NO REFERENDO.
O primeiro absurdo das esquerdas é dizer que VOTAÇÃO É DEMOCRACIA. Democracia é antes de mais nada, saber todos os detalhes das informações. Uma votação ocorre em 90% dos votos, de modo emocional, sem informação, sob forte pressão de minorias mafiosas organizadas.
O segundo absurdo é a participação dessas pressões por elementos midiáticos, altamente remunerados desde fora da área votante, para manipular uma divisão através da qual conseguem perpetuar um conflito desnecessário para continuar a ser pagos pra mentir.
E há um terceiro absurdo que é pressupor que os enganados que votaram em uma situação dessas devem ficar PARA SEMPRE escravizados aos chefões que se exibirão como VENCEDORES para depois fazerem o que quiserem, uma vez instalados no poder.
Nesse caso da Catalunha, alegam, como eu já falei muitas vezes, da posição econômica-tributária do Estado de São Paulo no Brasil – “É dali que sai a maior arrecadação do País”. No entanto, é preciso lembrar que as vendas desse grande PIB ocorreram dentro dos outros Estados do País. Já pensou em uma separação, qual será a barreira defensiva que os compradores vão fazer?
O pior componente desse referendum ainda é a existência de uma União Europeia que tem décadas de restrição à liberdade local de seus membros, causando prejuízos ilimitados, sem haver contrapartida de vantagens em permanecer no bloco. Basta recordar a saída em curso do Reino Unido, que parece incentivar Itália, Grécia, e outros a pensarem em sair desses prejuízos.

Por fim temos que lembrar que nisso tudo acontece uma situação passageira de FALSAS MAIORIAS vencendo referendos, consultas, eleições, que no fim são Máfias minoritárias Psicopatas galgando um poder do qual não pretendem sair nunca mais.

domingo, 1 de outubro de 2017

MENSAGEM PARA TRUMP

DEFENDA A ESPÉCIE HUMANA CONTRA O GENOCÍDIO PROGRAMADO PELOS BANCOS
RESUMIDAMENTE- “Eles não podem possuir o mundo e eles não têm carta branca para fazer o que quiserem”. Conclui esse discurso afirmando: “Eles querem nos mergulhar na Terceira Guerra Mundial. Eu não o permitirei”.

2.ASSINADO POR THOMAS JEFFERSON - "Se o povo americano sempre permite que os bancos privados controlem a questão da sua moeda, os bancos e as empresas que crescerão em torno deles privarão as pessoas de todos os bens até que seus filhos se levantem sem-teto no continente que seus pais conquistaram ... Creio que as instituições bancárias são mais perigosas para nossas liberdades do que os exércitos permanentes ... O poder emissor deve ser retirado dos bancos e restaurado aos povos, a quem pertence adequadamente ".

3.ASSINADO PELO SENADOR DO BRASIL CRISTÓVAM BUARQUE:
http://mariosanchezs.blogspot.com.br/2017/09/cristovam-buarque-na-resposta-parece.html
EM RESUMO - "Não podemos deixar que as reservas financeiras sirvam para queimar países inteiros na volúpia da especulação".

Está em tempo de voltar à Verdade Monetária, dando fim à Escravocacia que financia todas as barbáries sob nome de "esquerdas", "religiões", Estatismos", e liberdade para mentir e falsificar informações. Passaremos a cultivar a Democracia Verdadeira com respeito ao direito de ir e vir para prosperar, e com respeito à propriedade honestamente produzida.
ADENDOS

https://mariosanchezs.blogspot.com.br/2017/08/energia-de-graca-google-desinformado-ou.html

FORBES Dá um conselho - PRESIDENTE TRUMP, SUBSTITUA O DÓLAR POR OURO COMO A MOEDA GLOBAL PARA TORNAR A AMÉRICA GRANDE NOVAMENTE
COMENTARIO PREVIO – O Brasil e outros países em desenvolvimento possuem muito ouro por extrair, mas as Máfias do ouro estão de posse dos direitos de lavra. O levantamento das reservas para explorar no Brasil mostra que ultrapassam 33 mil toneladas (Lembremos que desde a descoberta foram extraídas ao redor de 2.600 toneladas). Se tivermos a energia necessária disponível, essa reserva sobe para 70.000 toneladas.  Essa é uma das consequências que podemos ter ao desenvolver nossa descoberta. A afirmativa do Editor abaixo, de que os Estados Unidos possuem mais ouro do que Alemanha e FMI juntos se refere ao ouro guardado em cofres. Assim como o Brasil, também há grandes reservas por extrair. E do mesmo modo, nosso invento que traz energia sem limites, tornará essas reservas em um volume astronômico. Resta saber o que aconteceria com o preço do ouro se essas extrações acontecessem em curto prazo.
Por Editor em 28 de fevereiro de 2017 (De Forbes)
Isso deixa a terceira opção, "adotar um padrão ouro internacional modernizado, como proposto na década de 1960 por Rueff e em 1984 pelo seu protegido Lewis E. Lehrman ... e então-Rep. Jack Kemp "(cuja fundação epônima eu aconselho). A este deve acrescentar, como o colaborador da Forbes.com, Nathan Lewis, observou perspicaz, a remoção de barreiras fiscais e regulamentares ao uso de ouro como moeda.
Como observei repetidamente, Donald Trump mostra uma forte afinidade pelo ouro. Ele também mostrou uma compreensão intuitiva de como o padrão-ouro era crucial para ter feito a América grande:
Donald Trump: "Nós costumávamos ter um país muito, muito sólido porque era baseado em um padrão-ouro", disse ele à televisão WMUR em New Hampshire em março do ano passado. Mas ele disse que seria difícil trazê-lo de volta porque "nós não temos o ouro. Outros lugares têm o ouro ".
O comentário de Trump para a GQ: "Trazer de volta o padrão-ouro seria muito difícil de fazer, mas garoto, seria maravilhoso. Teríamos um padrão para basear nosso dinheiro ".
Trump foi enganado para acreditar que "nós não temos o ouro. Outros lugares têm o ouro”. Na verdade, os Estados Unidos, a Alemanha e o FMI juntos têm cerca de tanto ouro quanto o resto do mundo combinado e a América tem bem mais do que a Alemanha e o FMI combinados. [Nota: Esta coluna foi atualizada para esclarecer que os Estados Unidos têm muito mais ouro do que a Alemanha e o FMI combinado, mas não, como originalmente afirmado, mais do dobro.]
Nós temos o ouro. Retornar ao padrão-ouro não seria muito difícil de fazer.