domingo, 20 de abril de 2014

INTELIGÊNCIA JUDAICA

SERÁ QUE UM LIVRO VAI EXPLICAR MESMO OS MOTIVOS PELOS QUAIS UM PEQUENO POVO PERSEGUIDO AINDA MOSTRA OS ÍNDICES MAIS PERFEITOS DE AVANÇO CIENTÍFICO, LITERÁRIO, COMERCIAL, EMPRESARIAL E POLÍTICO, ETC???
TEMOS QUE ESTUDAR PARA ENTENDER. O COMPORTAMENTO É IMPORTANTE.
ENTRETANTO, OS SEGREDOS FICAM MAIS NO FUNDO...


Perguntei a alguns estranhos que nada têm a ver com o nosso Grupo de Estudos Avançados, o que achavam dessa promoção de um livro que promete ensinar a todo mundo como dominar negócios, ganhar dinheiro e conseguir fazer novas descobertas, ultrapassar os outros cientistas, etc. Praticamente ninguém se expôs a dar uma bola fora.

O mesmo não aconteceu com as perguntas dirigidas a antigos membros do GEA.

Um desses membros do GEA me perguntou se eu sabia onde estava a diferença entre a formação judaica e a formação de nossos delinquentes nascidos nas favelas e provenientes do Nordeste brasileiro. Ele ainda chamou a minha atenção para o fato de que TODOS nossos "pau-de-araras" emigrados em busca de oportunidades em São Paulo e no Rio de Janeiro, (vejam bem: TODOS) todos sem nenhuma exceção possuem a mesma genética de judeu, pois são nada menos do que os descendentes de cristãos novos exilados pelos reis de Portugal após serem convertidos da sinagoga para a Igreja, geralmente mandados à força para colonizar o Brasil. E ainda se misturaram com aventureiros judeus errantes em viagens ou algum dia instalados na região. E NÃO APRESENTAM NENHUM ÍNDICE QUE SE COMPARE A SEUS PRIMOS QUE FICARAM NA CONVICÇÃO JUDAÍSTA.

Fui examinar em alguns sites que explicam as correntes religiosas dos judeus. Comparei com textos bíblicos reunidos por Salomão. Verifiquei uma estranha ênfase nesta declaração - "judeu é aquele que assim se declara e teve mãe judia".

Se olhamos a preocupação quase doentia de Abraão e Sarai para trazer esposa para Isaac da parentela semita de Padam Aram, veremos que isso se repete ao Raquel despachar seu filho predileto, Jacó, para a casa de seu irmão Labão. Isso é repetido nos textos ditos de Moisés, onde recomenda que cada um case dentro da sua tribo. Ao ler os tabletes sumerianos vemos que até com os "deuses imortais" a primogenitura se reconhecia ao filho que nasceu dentro de casamento consanguíneo - mais firme ainda se foi com meia-irmã, como Abraão e Sarai.

Fiquei pensando seriamente em o que poderia fazer tanta diferença entre um filho de judeus errantes ou apóstatas e filhos de mãe confessa judia e como tal criando seus filhos. 

Aos poucos percebi que a questão era educativa. E mais do que educativa - EDUCATIVA pre-natal.
A mãe declarada judia evidentemente ouve as preleções bíblicas, está no comando mais sério do mundo na família, ao engravidar vai em busca de bênção rabínica e depois comparece às preleções preparatórias para a circuncisão, batismo, reconhecimento dos treze anos, etc. Além disso era costume muito antigo que a esposa judia não se dedicava a atividades comerciais, produtivas, guerreiras, etc. Entretanto, ouvia sempre os comentários e vibrava com eles sobre os sucessos de marido, pais, irmãos, servos e demais membros da comunidade.

Bem diferente é o ambiente pre-natal do menino nascido nas secas do cangaço, das brigas de famílias até a vingança mortal, dos lamentos da miséria e das imposições feudais dos donos das Senzalas que nunca se extinguiram - apenas mudaram de linguagem - mas, cada nascituro já vem formado para ser revoltado di menor delinquente para o resto da vida COM ESSA PRE-FORMAÇÃO.

Um dos que ouviram estes dados e deram seu retorno, nos lembrou que é certeza científica que os eventos da vida da mãe durante a gestação se repassam ao nascituro. E é tão acentuado esse efeito, que estudos sobre os trans-sexuais mostra que houve até mudança irreversível de produção hormonal pelos comandos da hipófise em casos estudados em que a mãe esperava menina e nasceu menino, pegando-a com enxoval de menina que usou por anos com o inesperado menino que um dia se mostra trans-sexual. Do mesmo modo há comprovações de que os criminosos mais abomináveis contam que perderam a noção do que estavam fazendo ao entrar nos mais loucos homicídios e análises psico-criminais trazem à tona que todos eles eram sobreviventes de tentativas de aborto que de algum modo não aconteceram, mas marcaram uma situação de encurralamento do embrião prestes a ser morto sem nada poder fazer!

CONCLUSÃO - SE QUISERMOS REVERTER ESSES QUADROS CRIMINAIS E SEGUIR AS REGRAS DA INTELIGÊNCIA JUDAICA, MUDANDO NOSSA HUMANIDADE, TEREMOS QUE COMEÇAR A VERDADEIRA EDUCAÇÃO PARA HOMENS DE CARÁTER QUE VÃO PROCEDER COM ÉTICA, desde os primeiros dias de vida intra-uterina.

ALGUÉM NOS ENVIOU A PROMOÇÃO DO LIVRO INTELIGÊNCIA JUDAICA - ENTRE NO LINK ABAIXO PARA OUVIR A PROMOÇÃO


On Sáb 12/04/14 22:03 , contatos@digiguia.com.br sent:

Amigo (a),
Foi revelado o segredo do sucesso...
Saiba entre outras coisas...
1/3 dos americanos multimilionários são judeus!
As diferenças da mente de um milionário e de uma pessoa pobre;
O que os bilionários têm em comum;
Compreenda a ética judaica nos negócios;
Desvende a sorte e o azar!;
Descubra o segredo dos judeus nos negócios de sucesso;
Entenda as forças da natureza que influenciam o sucesso na vida;
Aprenda a resolver problemas aplicando a filosofia judaica no seu dia a dia.
Como o pensamento cria sua realidade;
Um sistema de crenças que pode mudar sua vida pessoal e financeira;
Como atrair dinheiro e prosperidade para sua vida;
Tudo isso e muito mais...
Quer saber mais ?
Clique no link e entre na Internet:
http://www.wgtmkt.info/inteligencia_2013_001.htm  
A riqueza é consequencia de pensamentos e atos, não simplesmente algo ao acaso.
Lhe desejamos muita prosperidade em sua vida !

7 comentários:

Jonny disse...

Comungo do equilìbrio de seu coomentàrio. Evidentemente temos nesse livro uma abordagem mercantista, apologètica, ou sensacionalista. O que precisamos ter em mente è que nossa Naçáo de longe precisa se libertar do opróbrio da corrupçáo pùblica e da alienaçáo cultural que herdamos de culturas exploratòrias e vis.Somos uma Naçáo de ignorantes e como podemos buscar numa ooutra cultura seu principal laço de desprezamos.

Sergio Avellar disse...

Realmente um povo que há muito tempo foi guiado por uma infeliz frase (Gosta de levar vantagem em tudo, certo ? Fume Vila Rica a flamigerada Lei de Gerson)
Não bastava ter sido descoberto e colonizado por portugueses?
Todos falam dos judeus famosos e inteligentes, mais aqui no Brasil temos exemplo de um judeu ladrão, canalha... seu nome Paulo Maluf.
Um povo que tem os políticos e governantes que nós temos vamos prosperar, progredir e evoluir como um lugar onde se valoriza a bunda e não a cabeça (intelecto) onde ser educado e honesto é sinônimo de viado e bobo.
Somos pobres tupiniquins importando só o que não presta dos países.

Sergio Avellar disse...

Realmente um povo que há muito tempo foi guiado por uma infeliz frase (Gosta de levar vantagem em tudo, certo ? Fume Vila Rica a flamigerada Lei de Gerson)
Não bastava ter sido descoberto e colonizado por portugueses?
Todos falam dos judeus famosos e inteligentes, mais aqui no Brasil temos exemplo de um judeu ladrão, canalha... seu nome Paulo Maluf.
Um povo que tem os políticos e governantes que nós temos vamos prosperar, progredir e evoluir como um lugar onde se valoriza a bunda e não a cabeça (intelecto) onde ser educado e honesto é sinônimo de viado e bobo.
Somos pobres tupiniquins importando só o que não presta dos países.

Jonny disse...

.............Além do péssimo exemplo do Maluf não esqueçam de Silvio santos que enriqueceu dando golpe no povo de São Paulo com a jogatina do Carnê do Baú. Hoje com uma Rede cooptadora dos interesses escusos do atual governo, não conseguiu segurar sua principal âncora jornalística Rachel Shererazade pela pressão do lobby comunista-fascista das diretrizes Petistas do Poder.

Mário Sanchez disse...

Temos uma continuação deste tema neste blog em
http://mariosanchezs.blogspot.com.br/2015/10/inteligencia-judaica-segunda-parte.html

Pedro Carneiro Jr. disse...

Bem verdadeiro esse texto. Encontra respaldo na psicologia e também na análise de economistas e comentaristas consagrados como GILBERTO DIMENSTEIN (http://www1.folha.uol.com.br/fsp/1997/1/26/mundo/12.html).
Cuidemos nós mesmos da educação e do povo nordestino. Não vamos esperar o governo fazer isso.

Mário Sanchez disse...

Essa discussão sobre sionismo é uma das grandes besteiras das crianças crescidas que não desenvolveram seu conhecimento porque não há hoje no planeta Terra duas genéticas humanas. Todos somos descendentes do primeiro yudahita que foi o Enós bíblico, citado como filho de Seth. E todos tivemos mãe uma das descendentes de Eva. Vejam no Blog - https://mariosanchezs.blogspot.com.br/2017/02/quem-sao-judeus.html
http://mariosanchezs.blogspot.com.br/2009/06/abraao-pai-de-todos-os-povos.html
https://mariosanchezs.blogspot.com.br/2015/10/inteligencia-judaica-segunda-parte.html
https://mariosanchezs.blogspot.com.br/2017/07/cinco-apocalipses-trump.html